Sobre a organização do conteúdo

Antes de adicionar qualquer conteúdo à Coleção de conteúdo, os usuários devem planejar como gerenciarão esse conteúdo. Isso lhes permite organizar o conteúdo da maneira que melhor atenda às necessidades individuais. Da mesma maneira, se os administradores criarem a estrutura de pasta de acordo com as necessidades da instituição, um planejamento mais efetivo, treinamento e mensagens poderão ser aplicados.

Os arquivos da Coleção de conteúdo são organizados em uma estrutura de árvore de pastas aninhadas que se estende até (e inclui) o nível da área de conteúdo. Isso significa que cada pasta pode conter outras subpastas e arquivos. O termo "itens" se refere a arquivos e pastas.

Uma pasta armazena arquivos e outras pastas. As pastas ficam disponíveis automaticamente para o usuário que as adicionou, mas precisam ser compartilhadas para que outros usuários visualizem as pastas e seu conteúdo. É importante lembrar que todas as pastas ficam dentro de outras pastas, o que se estende até a pasta raiz (/). Pastas raiz são aquelas que contêm todas as outras pastas. Áreas de conteúdo, como usuários, cursos, instituição e biblioteca, são simplesmente pastas armazenadas dentro da pasta raiz.

O sistema não permite que subpastas tenham o mesmo nome dentro de uma pasta principal. Por exemplo, não é possível criar duas pastas com o nome "Projetos em grupo" no nível superior da pasta de nome de usuário. O sistema também não permite que arquivos com o mesmo nome existam em uma pasta. Os nomes diferenciam maiúsculas de minúsculas, por isso, embora arquivos e pastas tenham diferentes capitalizações, os caracteres podem ser os mesmos Por exemplo, as pastas Projeto do Grupo e Projeto do grupo podem ser criadas na mesma pasta principal.


Espaços de conteúdo privado e público

A criação de pastas separadas para conteúdo pessoal (espaço privado) e pastas disponíveis para outros usuários (espaço público) é muito útil. Esse método permite que o usuário tenha determinadas pastas disponíveis apenas para si, nas quais ele pode armazenar conteúdo pessoal. Por exemplo, uma pasta pessoal pode conter relatórios e projetos em andamento, enquanto outra tem conteúdo profissional que não está pronto para ser compartilhado, como currículos e cartas de apresentação para empregos. Permissões adicionais para essas pastas pessoais não serão concedidas a mais ninguém.

Quando um documento estiver pronto para ser compartilhado, ele poderá ser copiado ou movido para uma pasta pública. Por exemplo, se um instrutor estiver trabalhando em um documento do curso, pode criar o rascunho em uma pasta pessoal e movê-lo para a compartilhada quando terminar. A pasta será compartilhada com todos os usuários matriculados na classe (um espaço público definido para ficar disponível apenas para membros do curso) e permitirá colaboração.


Criar uma pasta privada

Uma pasta privada é criada da mesma forma que outras pastas na Coleção de conteúdo: por meio da função Adicionar Pasta. As permissões concedidas na pasta determinarão se ela será ou não privada.

  • Na pasta de nome de usuário, uma pasta privada é uma subpasta que não é compartilhada com outros usuários. Um usuário pode criar uma subpasta em sua pasta de nome de usuário e não conceder permissões a nenhum outro usuário.
  • Em uma pasta do curso, uma pasta privada pode se destinar especificamente ao instrutor ou também pode ficar acessível para usuários com outras funções no curso. Por exemplo, uma subpasta privada pode ser criada com permissões concedidas ao professor, assistente de ensino e criador de curso. Essa pasta não ficaria disponível para nenhum aluno matriculado no curso.

Criar uma pasta pública

Assim como as pastas privadas, as pasta públicas são criadas da mesma forma que outras pastas: por meio da função Adicionar Pasta. As permissões concedidas em uma pasta determinarão se ela ficará disponível para vários usuários e para grupos de usuários. Qualquer usuário com permissões de gerenciamento pode compartilhar o item com um público maior.

  • Em uma pasta de nome de usuário, uma pasta pública pode ser criada e compartilhada com um grupo de usuários que esteja colaborando em um projeto.
  • Em uma pasta do curso, uma pasta pública pode ser criada e compartilhada com todos os usuários matriculados no curso. Essa pasta incluiria informações do curso ou artigos que devam ser lidos por toda a classe.

Pastas de grupo

Pastas de grupo

Membros do grupo frequentemente compartilham e colaboram em um conjunto comum de arquivos. A primeira etapa para compartilhar documentos com um grupo na Coleção de conteúdo é criar uma pasta que cada membro do grupo pode acessar. Você não tem acesso para criar uma pasta de grupo para que membros colaborem uns com os outros, mas pode ser mais útil estabelecer uma pasta específica para compartilhar uma coleção de arquivos entre o grupo.

Depois que um usuário criar a pasta do grupo, ele precisará fornecer a permissão apropriada para outros membros do grupo. Se um instrutor tiver criado grupos no curso, os usuários poderão compartilhar a pasta com todos os membros de um grupo em uma única etapa. Se membros forem adicionados ou removidos do grupo, a Coleção de conteúdo automaticamente compartilha a pasta com os membros do grupo editado.


Compartilhar uma pasta com um grupo do curso

  1. Na Coleção de conteúdo, navegue até a pasta que contém a pasta do grupo.
  2. Selecione o ícone de permissões da pasta do grupo. Ou, no menu da pasta, selecione Editar > Permissões.
  3. No menu Selecionar usuários específicos por lugar, selecione Grupo do curso (ou Grupo da comunidade se o grupo pertencer a uma comunidade).
  4. A página exibe todos os grupos do curso em que você está matriculado. Use as caixas de seleção para selecionar o(s) grupo(s) para compartilhar a pasta.
  5. Selecione a permissão adequada. Para conceder permissões completas do grupo, marque todas as caixas de seleção.
  6. Clique em Enviar para salvar as alterações.

Compartilhar uma pasta com um grupo de usuários

Se você desejar compartilhar uma pasta com um grupo de usuários que existe fora de um curso ou grupo de organização, será necessário permissões para cada pessoa.

  1. Selecione o ícone de permissões da pasta. Ou, no menu da pasta, selecione Editar > Permissões.
  2. Selecione Selecionar usuários específicos.
  3. Insira os nomes de usuário de cada membro do grupo separados por vírgulas no campo Nome de usuário. Selecione Pesquisar para localizar nomes de usuário desconhecidos.
  4. Marque as caixas de seleção de permissão apropriadas para esses usuários. Para conceder permissões completas a todos os membros do grupo, marque todas as caixas de seleção.
  5. Clique em Enviar para salvar as alterações.

O criador da pasta do grupo deve informar a cada membro do grupo sobre a localização da pasta. Após você criar  a pasta compartilhada, a forma mais fácil e rápida para membros de grupo para acessar essa nova pasta é que cada pessoa crie um favorito para a pasta.

Tornar uma pasta de grupo como favorita

  1. Na Coleção de conteúdo, em Pular para > Ferramentas, selecione Favoritos.
  2. Clique em Criar favorito.
  3. Nomeie o favorito e procure sua localização.
  4. Selecione Enviar.

Quando o favorito for criado, será possível selecionar Favoritos no menu Coleção de conteúdo para rápido acesso. O criador da pasta do grupo pode acessar a pasta diretamente por meio de sua pasta de nome de usuário.

Os usuários também podem localizar a pasta do grupo selecionando Pesquisar na área Ferramentas.