É possível que já existam investimentos em processos de integração do SIS em seu campus. Você pode continuar a usar os processos de integração existentes como no passado e avaliar a adoção dos tipos de integração da Estrutura de integração do SIS. No entanto, é importante entender que, à medida que o Learn evolui, os processos de integração legados provavelmente não acompanharão os novos objetos introduzidos para auxiliar novos recursos e funcionalidades do Learn.


Sobre a integração do SIS e a Estrutura de integração do SIS do Learn

A integração do Sistema de informações do aluno (SIS) ajuda os administradores a integrar dados de cursos, usuários e inscrições no Blackboard Learn. Os dados podem ter origem de fontes diversas e em formatos variados. A integração do SIS fornece uma maneira fácil de atualizar para o Blackboard Learn de outro Sistema de Gerenciamento de Aprendizagem (LMS), como CE ou Vista, por ser compatível com o mesmo formato de feed de dados gerado por esses sistemas para troca de dados. A integração do SIS também permite que as atualizações do sistema sejam delegadas a outros administradores da Blackboard, permitindo que a flexibilidade seja a incorporada ao sistema.

A Estrutura de integração do SIS é uma estrutura de Building Block do tipo extensível que fornece funcionalidade comum a todas as integrações, ao mesmo tempo que facilita a criação, configuração e gerenciamento de integração dentro da interface do usuário do painel do administrador do Blackboard Learn. O princípio é baseado em uma separação de funcionalidade. A Estrutura do SIS fornece os recursos de criação, configuração e operação/manutenção baseados na UI, bem como os Tipos de integração (baseados em Building Blocks) para fornecer a lógica específica para cada tipo de integração do SIS. Isso permite que a Estrutura do SIS suporte uma abordagem de compra combinada para a integração, ao mesmo tempo que permite várias instâncias de um tipo de integração. Isso proporciona uma grande flexibilidade no desenvolvimento de soluções de integração do SIS, pois fornece a capacidade de atender às necessidades de integração, das mais simples às mais complexas.

Saiba mais sobre Tipos de integração do SIS

Uma capacidade adicional disponível para todos os tipos de integração é o rápido mapeamento de dados. Isso permite o mapeamento personalizado de objetos de dados de entrada para os objetos de dados do Blackboard Learn. Essa capacidade de mapeamento permite que você aplique scripts personalizados baseados em javascript para dados de entrada. No caso do tipo de integração de arquivo simples de instantâneo, você pode aplicar mapeamentos de cabeçalho personalizados para associar os formatos de dados existentes aos formatos da Blackboard. Você pode ler mais sobre Mapeamento personalizado de acordo com cada tipo de integração na seção de exemplos para cada tipo de integração.


Planejamento

Existem vantagens importantes no uso de integrações do tipo Sistema de informações do aluno (SIS) para transferir dados para o Blackboard Learn para preencher automaticamente e atualizar seu sistema. A primeira é que o gerenciamento dos dados de curso e dos usuários pode ser delegado a um ou mais administradores que não precisam de acesso de linha de comando aos servidores da Blackboard. Outra vantagem é que os dados podem ser transferidos de forma rápida e eficiente do seu Sistema de Informações para o Learn.

É fundamental envolver todas as partes interessadas no processo de planejamento de integração, aproveitando a contribuição de seu SIS e de sua Secretaria, sabendo que as equipes de administração do Learn assegurarão uma integração com sucesso.

Uma integração bem-sucedida requer conhecimento das opções de configuração do SIS, a seleção do Tipo de integração do Learn que atende aos seus requisitos e uma compreensão dos requisitos de dados para o tipo de integração. Nos casos dos tipos de integração Snapshot e Enterprise 1.1, também é necessária uma compreensão do script do lado do servidor para facilitar a transferência de dados para os pontos de extremidade de integração.

Saiba mais sobre planejamento de integrações SIS


Serviços de mentoria

A contratação de serviços da Blackboard Consulting pode ajudar a planejar, dimensionar e atualizar suas integrações. A Blackboard Consulting oferece um programa completo de integrações que se adapta às suas necessidades.

Mentoria da Estrutura de integração do SIS

O objetivo do serviço de Mentoria da Estrutura de integração do SIS é ajudar os clientes com a implementação da Estrutura de integração do SIS do Blackboard Learn. Totalmente remoto, esse serviço fornecerá um consultor a seu distrito para orientar sobre elementos básicos de dados, configuração, limpeza de dados, técnicas de script e solução de problemas.

Atividades do projeto

  • Um consultor remoto atribuído à sua instituição durante o período de duração do projeto
  • Identificação de elementos básicos de dados, comportamentos e regras de negócios, visando a automatização de processos para a criação de contas e cursos de usuários, inscrição de usuários e tarefas de docentes/pessoal para cursos.
  • Documentação de decisões relativas a elementos de dados importantes em uma pasta de trabalho de planejamento de dados para uso posterior do cliente.
  • Fornecimento de orientação com relação à configuração da Estrutura de integração do SIS, visando atender aos requisitos de dados documentados.
  • Auxílio na limpeza de dados de contas de usuários existentes no ambiente do Blackboard Learn para garantir a compatibilidade com um ambiente automatizado e integrado.
  • Fornecimento de uma visão geral das técnicas básicas de script a serem usadas para a transformação de dados dentro da ferramenta da Estrutura de integração do SIS.
  • Revisão de técnicas de solução de problemas para questões de dados e de integração.
  • Revisão do gerenciamento do ciclo de vida dos dados e a visão geral das melhores práticas para arquivamento e limpeza de dados do Blackboard.
  • Configuração inicial dos artefatos do programa da estrutura de integração do SIS:
    • Documentação de requisitos dos processos empresariais (Pasta de trabalho de planejamento de dados)
    • Documentação de configuração de integração (Pasta de trabalho de operações)
    • Documentação e materiais de referência do produto principal Blackboard Learn

Dê o próximo passo!

Entre em contato com o Representante de vendas da Blackboard para agendar um horário e discutir as opções recomendadas e as próximas etapas. Concentre-se em engajar e avaliar os alunos, não em navegar em uma integração de dados complexa. Deixe a Blackboard Consulting ajudar você.

O serviço de Mentoria da Estrutura de integração do SIS dos Serviços de consultoria fornecerá o suporte que você precisa para automatizar a transferência de informações de usuários, cursos e inscrições de um sistema de origem (como SIS, LMS, HR, ERP ou outro sistema de registro) para o Blackboard Learn. A consultoria trabalhará com você para identificar os principais elementos de dados, comportamentos e regras de negócios.


Como funciona a Estrutura de integração do SIS

Além das opções de configuração e dos tipos de dados de integração (abordados em seções separadas e específicas por tipo de integração), a Estrutura de integração do SIS opera em quatro conceitos principais:

  1. Formato de dados
  2. Transferências de dados
  3. Propriedade dos dados
  4. Processamento de dados

Resumindo, cada tipo de integração e instância configurada recebe dados formatados corretamente de acordo com os requisitos para a integração(1) para transferência para o Learn por meio de um conjunto de serviços específicos de integração(2) utilizando um identificador exclusivo por instância de integração configurada que controla a propriedade dos dados(3) para processamento pela Estrutura de SIS do Learn(4).

Cada um desses apresenta conceitos importantes para compreender como a Estrutura de integração do SIS funciona, como determinar melhor sua configuração de integração e como melhorar sua infraestrutura de integração para auxiliar a Estrutura de integração do SIS.

Formato de dados

Cada tipo de integração de dados suporta um formato de dados específico para esse tipo de integração. Assim, os dados para o Enterprise 1.1 são diferentes do Enterprise 1.1 Vista, que é diferente de arquivo simples de instantâneo e LIS. O conhecimento desses formatos de dados informa não apenas os tipos de objeto suportados pela integração associada, mas também a sintaxe do Mapeamento personalizado para o tipo de integração.

A cobertura detalhada dos formatos de dados de integração é abordada nos tópicos para cada tipo específico de integração.

Transferências de dados

Cada tipo de integração de dados suporta a transferência de dados por meio de pontos de extremidade de serviço baseados em HTTP que são específicos em formato e método para o tipo de integração. Em todos os casos, as melhores práticas devem ser consideradas para transferir dados por meio de uma conexão HTTPS.

Os detalhes sobre o modelo de transferência de dados de cada tipo de integração e os pontos de extremidade do Learn estão descritos nos tópicos específicos para esse tipo de integração.

Todos os tipos de integração podem receber dados por meio de cabo, direcionando dados para o URL de integração. Isso é útil no contexto dos tipos Enterprise 1.1 e Instantâneo, já que eles agora podem transferir dados via cabo e postar dados com base em arquivos.

Propriedade dos dados

A Estrutura de integração do SIS suporta a capacidade de gerenciar dados usando mais de um tipo de integração. Cada configuração de integração implantada gerencia os dados específicos dessa integração específica e nenhum outro. Embora as chaves de origem de dados possam ser utilizadas para agrupar dados para gerenciamento via interface do usuário e ferramentas de suporte, as chaves de origem de dados não são usadas pela Estrutura de integração do SIS para limitar as alterações nos dados associados. Assim, os objetos do Learn são propriedade da integração que os "criou" e não as chaves de origem de dados associadas. Isso significa que uma integração pode atuar em todos os pontos de dados que possui independentemente das chaves de origem de dados associadas.

Saiba mais sobre Chaves de origem de dados

As instâncias individuais do mesmo tipo de integração são identificadas de forma exclusiva por um UID gerado pelo sistema que é exibido na página de configuração da integração e pode, no caso do LIS, ser usado na configuração do SIS ou, no caso dos tipos de integração Enterprise ou Instantâneo, nos serviços fornecidos ao cliente, os quais transmitem os dados de integração para o ponto de extremidade. Para saber mais sobre a configuração do LIS ou do serviço ao cliente, consulte os tópicos de configuração e automação para cada tipo de integração.

Processamento de dados

Seja qual for o tipo de integração ou formato de dados, todo processamento ocorre da mesma maneira:

  1. A estrutura de integração do SIS recebe uma solicitação em um ponto de extremidade específico para um tipo de integração
  2. Com base no UID de entrada, a configuração do tipo de integração é carregada
  3. No pré-processamento bem-sucedido dos dados para validação, a tarefa é negociada pelo ActiveMQ para ser executada em um servidor de aplicativos do Learn
  4. Os dados são processados de acordo com as configurações, os cabeçalhos personalizados e mapeamento personalizado, se utilizados pela integração
  5. Todas as operações de processamento de objetos são registradas por objeto, gravadas em um arquivo de log e também armazenadas na base de dados do Learn para recuperação pelo visualizador de log da UI.

A Estrutura de integração do SIS não processa os dados em paralelo; isso introduziria um alto risco de condições de corrida de dados. Em vez disso, os dados são processados de acordo com o modo primeira entrada e primeira saída, garantindo que os dados sejam processados na sequência desejada. Assim, você sempre deve aguardar a conclusão do processamento de um conjunto de dados antes de enviar o próximo conjunto de dados.


Tipos de integração, suporte a objetos e requisitos

A Estrutura de SIS do Learn suporta cinco tipos de integração em uma instalação padrão composta por tipos de integração projetados com base em padrões e com base na Blackboard. Tipos personalizados adicionais podem ser desenvolvidos e adicionados por meio do Gerenciador de Building Blocks. Essa capacidade de estender os tipos suportados com tipos adicionais amplia o valor da Estrutura do SIS na empresa, ao mesmo tempo que nos permite atualizar os tipos de integração baseados em Building Blocks fora da caixa e fora do ciclo, se necessário.

Cada tipo de integração fornecido dá suporte a objetos do Learn e requisitos do Sistema de Informações específicos para o tipo de integração. A seguir, você encontrará uma descrição relevante dos tipos de integração, os objetos que eles suportam e os requisitos do Sistema de Informações para suportar a integração.

Observe o suporte de tipos de integração dos objetos do Learn conforme especificado pelo tipo de integração; não há 100% de sobreposição no suporte de objetos em todos os tipos de integração. Essa é uma consideração muito importante ao selecionar seu tipo de integração. Outra consideração importante é a capacidade do Sistema de Informações de suportar o tipo de integração e o formato de dados. Para saber mais sobre um tipo de integração, o formato de dados e os meios de transporte de dados, consulte as seções de cada tipo de integração.

À medida que o Learn se desenvolve para auxiliar na integração do Sistema de Informações, estaremos focados nos tipos de integração LIS 2.0 e de arquivo simples de instantâneo – estes devem ser considerados como metas prioritárias para a integração. Os três tipos de integração restantes são fornecidos para auxiliar clientes que possuem integrações existentes utilizando essas integrações e que estão interessados em utilizar a Estrutura do SIS. Observe que os tipos de integração Enterprise 1.1, Enterprise 1.1 Vista e o XML de instantâneo não terão desenvolvimento adicional para auxiliar novos objetos do Learn.

Enterprise 1.1 e Enterprise 1.1 Vista

Enterprise 1.1: O Enterprise 1.1 foi apresentado em 2002 e teve como objetivo substituir o Enterprise 1.0 (1999). Fornecia uma descrição de dados baseada em XML para transmitir informações de Pessoas, Grupos e Associações de grupos. Projetado para o intercâmbio de dados dentro e entre os principais sistemas institucionais de empresas, grandes fornecedores adotaram o padrão para fins de integração – WebCT e Learn adotaram o padrão.

Muitas vezes, faz-se referência ao Enterprise 1.1 no contexto das integrações "baseadas em eventos", embora também tenha sido usado para gerar arquivos de dados simples. As duas "versões" do Enterprise 1.1 que o Learn suporta são a versão original do Vista e uma versão Ellucian Banner que contêm extensões para as especificações de clientes Banner. Esses são os tipos de integração Enterprise 1.1 Vista e Enterprise 1.1 na Estrutura do SIS.

Objetos suportados

Projetado para instituições que:

  • Fornecem uma visão geral do processo empresarial
  • Fornecem orientação com relação à configuração da Estrutura de integração do SIS
  • Fornecem uma revisão das técnicas básicas de script
  • Fornecem técnicas de solução de problemas para questões de dados e de integração
  • Documentam decisões relativas a elementos de dados importantes
Objetos suportados – Enterprise 1.1
ObjetoDescrição
CursosDados para criar e gerenciar cursos
UsuáriosDados para criar e gerenciar usuários do sistema (Alunos, docentes, funcionários etc.)
MatrículasDados para criar e gerenciar matrículas em cursos (inscrições)
NósDados para criar e gerenciar relações de hierarquia
PeríodosDados para criar e gerenciar
Cursos em listas cruzadasDados para mesclar cursos filho e cursos pai.
Funções da instituiçãoDados para gerenciar os relacionamentos das funções de usuário.

A função primária da instituição (somente) pode ser definida no objeto Usuário nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado. As integrações em que a função da instituição é totalmente suportada aceitam as funções das instituições primárias E secundárias.

ComunidadesDados para criar e gerenciar sites de comunidades do Learn.

As comunidades podem ser criadas nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado dos objetos de cursos. As integrações onde as comunidades são totalmente suportadas podem ter feeds separados exclusivos para comunidades

Sistemas de informações

Versões do Peoplesoft:

Peoplesoft Campus Solutions 9, versão 21 ou anterior

Versões do Ellucian Banner:

Banner General

- 8.0 ou acima para Intcomp 8.0.1

- 8.1 ou acima para Intcomp 8.0.2

Banner Student

- 8.0 ou acima para Intcomp 8.0.1

- 8.1 ou acima para Intcomp 8.0.2

Banner Intcomp - 8.0.1 ou acima

Banner Financial Aid - 8.x

Banner Integration para eLearning - 8.0

Ellucian Colleague

Requer ferramentas para extrair e converter dados antes do envio para o Learn

Antes de comprometer-se a utilizar o Enterprise 1.1, confirme o suporte a versões posteriores de sistemas de terceiros.

Consulte a seção Tipo de integração Enterprise 1.1 para obter uma descrição detalhada do tipo de integração, observando que o formato de dados é ligeiramente diferente entre as duas versões suportadas do Enterprise 1.1 (padrão e Vista).

LIS 2.0

LIS 2.0: O Learner Information Services 2.0 deve ser considerado a substituição do Enterprise 1.1 e inclui uma solução baseada em lições aprendidas com as falhas do Enterprise 1.1. O LIS 2.0 não apenas descreve os dados, mas também descreve os métodos de transporte e sua publicação/consumo. Isso permite um mapeamento 1:1 dos dados no sistema de origem compatível com LIS para os processos que permitem consumir esses dados, o que é bom para integrações plug and play. O LIS 2.0 é baseado em serviço da web – os sistemas compatíveis transmitem os dados de acordo com serviços conhecidos e simplesmente fornecem os pontos de extremidade do sistema. Dois sistemas podem trocar dados.

O LIS 2.0 é um modelo "baseado em eventos", embora os arquivos simples que aderem à descrição de dados XML do LIS 2.0 podem ser gerados para upload manual.

Objetos suportados

Objetos suportados – LIS 2.0
ObjetoDescrição
CursosDados para criar e gerenciar cursos
UsuáriosDados para criar e gerenciar usuários do sistema (Alunos, docentes, funcionários etc.)
MatrículasDados para criar e gerenciar matrículas em cursos (inscrições)
PeríodosDados para criar e gerenciar
Funções na instituiçãoDados para gerenciar os relacionamentos das funções de usuário.

A função primária da instituição (somente) pode ser definida no objeto Usuário nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado. As integrações em que a função da instituição é totalmente suportada aceitam as funções das instituições primárias E secundárias.

ComunidadesDados para criar e gerenciar sites de comunidades do Learn.

As comunidades podem ser criadas nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado dos objetos de cursos. As integrações onde as comunidades são totalmente suportadas podem ter feeds separados exclusivos para comunidades

Sistemas de informações

Versões do Peoplesoft:

Peoplesoft Campus Solutions 9, versão 22 ou posterior;

http://www.oracle.com/us/industries/education-and-research/056908.pdf

Versões do Ellucian Banner:

Banner General

- 8.1 ou acima é exigido

Banner Student

- 8.1 ou acima é exigido

Banner Intcomp

- 8.0.2 ou acima é exigido

Banner Financial Aid

- 8.11

Para o Servidor de aplicativos Oracle

- 10.1.3

Ellucian Colleague

Requer ILP versão 3.5

Antes de comprometer-se a utilizar o Enterprise 1.1, confirme o suporte a versões posteriores de sistemas de terceiros.

Saiba mais sobre o LIS - Learning Information Services da IMS

Arquivo simples de instantâneo

O Learn também suporta a nossa abordagem de Arquivos simples de instantâneo para a importação de dados. O Instantâneo foi a primeira integração suportada no Learn Enterprise e tem uma longa história de sucesso devido à sua simplicidade de função. Originalmente, o instantâneo suportava arquivos delimitados por XML e CSV – um arquivo criado por tarefa de gerenciamento de dados para Usuários, Cursos, Inscrições e Tarefas de pessoal. A Estrutura do SIS suporta o consumo de arquivos de instantâneos usando os tipos de integração do XML de instantâneo ou Arquivos simples de instantâneo. Note, no entanto, que o Arquivo simples de instantâneo é o único formato que receberá atualizações para o suporte de "novos" objetos de dados daqui para frente. O XML de instantâneo está congelado a este respeito e pode não atender aos futuros requisitos de integração.

Objetos suportados

Objetos suportados – Arquivo simples de instantâneo
ObjetoDescrição
CursosDados para criar e gerenciar cursos e visualização do curso
UsuáriosDados para criar e gerenciar usuários do sistema (Alunos, docentes, funcionários etc.)
MatrículasDados para criar e gerenciar matrículas em cursos (inscrições)
NósDados para criar e gerenciar relações de hierarquia
PeríodosDados para criar e gerenciar
Categorias do catálogoDados para criar e gerenciar o Catálogo de cursos do Learn
Funções da instituiçãoDados para gerenciar os relacionamentos das funções de usuário.

A função primária da instituição (somente) pode ser definida no objeto Usuário nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado. As integrações em que a função da instituição é totalmente suportada aceitam as funções das instituições primárias E secundárias.

ComunidadesDados para criar e gerenciar sites de comunidades do Learn.

As comunidades podem ser criadas nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado dos objetos de cursos. As integrações onde as comunidades são totalmente suportadas podem ter feeds separados exclusivos para comunidades

Cursos em listas cruzadasDados para mesclar cursos filho e cursos pai.
ObservadoresDados para criar e gerenciar observadores

Sistemas de informações

Versões do Peoplesoft:

Requer ferramentas para extrair e converter dados antes do envio para o Learn

Versões do Ellucian Banner:

Requer ferramentas para extrair e converter dados antes do envio para o Learn

Ellucian Colleague

Requer ferramentas para extrair e converter dados antes do envio para o Learn

Antes de comprometer-se a utilizar o Arquivo simples de instantâneo, confirme o suporte a extração de dados em versões instaladas de sistemas de terceiros.

Saiba mais sobre Arquivo simples de instantâneo

XML do instantâneo

O XML de instantâneo possui vínculos estreitos com a especificação Enterprise 1.1 com as adições específicas do Learn. Semelhante ao Enterprise 1.1, o XML de instantâneo aumenta a flexibilidade nos arquivos XML que podem conter um tipo de dados ou combinar vários tipos de dados para serem processados de uma só vez.

Outro ponto que vale a pena reiterar – o formato de dados XML de instantâneo não deve ser a primeira opção de integração, uma vez que está apenas recebendo atualizações de manutenção e não suporte a objetos novos ou desenvolvimento de recursos. Espera-se que, em algum momento no futuro, seja feito um anúncio sobre o término do suporte com tempo suficiente para a adaptação do cliente.

Objetos suportados

Objetos suportados – XML de instantâneo
ObjetoDescrição
CursosDados para criar e gerenciar cursos
UsuáriosDados para criar e gerenciar usuários do sistema (Alunos, docentes, funcionários etc.)
MatrículasDados para criar e gerenciar matrículas em cursos (inscrições)
Categorias do catálogoDados para criar e gerenciar o Catálogo de cursos do Learn
Funções da instituiçãoDados para gerenciar os relacionamentos das funções de usuário.

A função primária da instituição (somente) pode ser definida no objeto Usuário nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado. As integrações em que a função da instituição é totalmente suportada aceitam as funções das instituições primárias E secundárias.

ComunidadesDados para criar e gerenciar sites de comunidades do Learn.

As comunidades podem ser criadas nessa integração usando um mapeamento de campo personalizado dos objetos de cursos. As integrações onde as comunidades são totalmente suportadas podem ter feeds separados exclusivos para comunidades.

ObservadoresDados para criar e gerenciar observadores

Sistemas de informações

Versões do Peoplesoft:

Requer ferramentas para extrair e converter dados antes do envio para o Learn

Versões do Ellucian Banner:

Requer ferramentas para extrair e converter dados antes do envio para o Learn

Ellucian Colleague

Requer ferramentas para extrair e converter dados antes do envio para o Learn

Antes de comprometer-se a utilizar o XML de instantâneo, confirme o suporte da extração de dados em versões instaladas de sistemas de terceiros.

Saiba mais sobre o XML de instantâneo

Integrações personalizadas

Uma vez que a Estrutura de integração do SIS é uma estrutura de Building Block do tipo extensível, você pode usar as APIs da Estrutura do SIS para criar tipos de integração personalizados que atendam às suas necessidades comerciais específicas. Isso é aplicável se seu Sistema de informações não suportar um dos tipos de integração fornecidos pelo Learn ou se você tiver necessidades específicas de integração fora do escopo dos tipos de integração fornecidos pelo Learn. Nesses casos, você pode criar seu próprio Building Block de integração e ter controle sobre os objetos do Learn que sua integração suportar e a lógica de integração específica do seu sistema de informações.


Suporte geral e configuração

Os Serviços de suporte da Blackboard oferecem suporte para os tipos de Integração fornecidos ao Learn. Se você tiver dúvidas ou encontrar problemas com seus processos de configuração ou integração, você pode entrar em contato com o suporte, preenchendo um tíquete de suporte em Behind the Blackboard.

Você configura o Learn para receber dados para cada um dos tipos de integração usando as páginas de configuração de Integração do SIS do Administrador do Learn. Para configurar uma integração, assim que você determinar qual tipo é mais adequada aos seus objetivos de negócios e recursos de informações, na página principal de Configuração do SIS, você precisa completar nove etapas:

  1. Crie sua integração selecionando o tipo de integração no menu suspenso Criar
  2. Configure sua integração recém-criada
  3. Coloque a integração no modo de teste
  4. Faça alterações no mapeamento personalizado
  5. Teste sua integração (nenhuma alteração é feita nos dados do Learn quando a integração estiver no modo de teste)
  6. Confirme a configuração visualizando os registrosde integração na UI
  7. Repita as etapas 4 a 6 até que tenha certeza que a integração funcionará como esperado
  8. Ao completar o teste com sucesso, coloque a integração no modo ativo para iniciar
  9. Monitore sua integração observando os registrosde integração

Para saber mais, consulte os tópicos de configuração para cada tipo de integração.


Log de integração

O log de todos os tipos de integração está disponível por meio da UI de log para a Estrutura de integração do SIS. A partir da UI, você tem acesso a registrosque contêm o status das integrações configuradas nos níveis dos objetos e de log suportados para manter você informado sobre as operações de integração.

A página de log permite a classificação de mensagens de log com base no tipo e na integração.

Além do acesso à UI, os registrostambém são gravados em disco para arquivamento e análise e triagem a longo prazo.

O carimbo de data e hora exibido no Último registro no log (na página de log) e no Último evento (na página de Integrações) representa os eventos como registrados com base nos níveis de log selecionados.

Você também pode usar os serviços da web REST para acessar registrose erros encontrados durante o processamento de dados.

Para acessar os logs, acrescente /learn/api/v1/logs/sis/{dataSetUid} ao domínio do Blackboard Learn. O sistema fornece um código de referência, dataSetUid, toda vez que um arquivo feed for processado. Esse parâmetro é necessário para retornar os resultados. As mensagens de erro e sucesso são registradas na tabela DATA_INTGR_LOG.

Parâmetros adicionais estão disponíveis para segmentar os dados: 

  • Parâmetro do nível de log: /learn/api/v1/logs/sis/{dataSetUid}?logLevel=(DEBUG,WARNING,ERROR,INFORMATION)
  • Parâmetros de paginação padrão: /learn/api/v1/logs/sis/{dataSetUid}?limit=25&&offset=10. Por padrão, a solicitação padrão tem um limite de 20 páginas, a menos que você altere esse valor.  

O processo para solucionar problemas de erros de registro nos Serviços da web não é alterado do processo para solucionar problemas de registrosde erros encontrados na UI. Se você encontrar uma mensagem de erro "não encontrado", é possível que o dataSetUid não exista no sistema ou o arquivo de feed ainda esteja sendo processado.