Configurar uma integração LIS é simples, desde que você entenda alguns princípios básicos do SIA Framework e os objetivos de integração no que se relacionam ao ciclo de vida dos dados. A seguir, é apresentada uma configuração básica de acordo com padrões, seguida por uma descrição de como a personalização das configurações individuais pode afetar a função da integração.


Configuração do LIS

  1. No Painel do administrador, em Building Blocks, selecione Integração de dados.
  2. Selecione Integrações dos Sistemas de Informações do Aluno (SIA).
  3. Aponte para Criar integração para abrir a lista.
  4. Selecione o tipo de integração Serviços de informações de aprendizado IMS.
  5. Na próxima tela, serão apresentadas as opções editáveis para a configuração.

Propriedades da integração

Nome da integração Obrigatório Insira um nome exclusivo para a integração – é o nome mostrado na lista de integrações configuradas na página Integrações dos Sistemas de informação do aluno.
Descrição Opcional Digite uma descrição para a sua integração. Útil para uma identificação adicional das integrações.
Nome de usuário compartilhado Obrigatório O Nome de usuário compartilhado é gerado automaticamente a partir do sistema SIA e preenchido nessa caixa de texto. É usado para as operações de publicação de dados, junto com a Senha compartilhada. Esse campo não é editável.
Senha compartilhada Obrigatório Digite a senha gerada pelo sistema SIA.
URL do serviço da web do lote de serviços de informações de aprendizado SIA Não obrigatório Esse campo especifica o URL usado pelo Learn para comunicar o status do processamento de dados de Lote ao Sistema de informações do aluno. Para saber mais sobre o processamento de lote, consulte LIS - Learning Information Services da IMS.
Nome de usuário do serviço em lote Não obrigatório Esse campo especifica o nome de usuário exigido pelo Sistema de informações do aluno para autorizar o processamento de dados de Lote. Para saber mais sobre o processamento de lote, consulte LIS - Learning Information Services da IMS. Provavelmente obrigatório se estiver usando os Serviços de lote.
Senha do serviço em lote Não obrigatório Esse campo especifica a senha exigida pelo Sistema de informações do aluno para autorizar o processamento de dados de Lote. Para saber mais sobre o processamento de lote, consulte LIS - Learning Information Services da IMS. Provavelmente obrigatório se estiver usando os Serviços de lote.
Nome de usuário para download de lotes Não obrigatório Esse campo especifica o nome de usuário exigido pelo Sistema de informações do aluno para acessar os dados de Lote. Para saber mais sobre o processamento de lote, consulte LIS - Learning Information Services da IMS.
Senha para download de lotes Não obrigatório Esse campo especifica a senha exigida pelo Sistema de informações do aluno para acessar os dados de Lote. Para saber mais sobre o processamento de lote, consulte LIS - Learning Information Services da IMS.
Status da integração Obrigatório Opções de status da integração:
  • Inativo: O sistema não processará as solicitações ou atualizará os dados no banco de dados.
  • Ativo: O sistema processará as solicitações, atualizará os dados no banco de dados e será visível para os usuários.
  • Teste: Os dados não são integrados no sistema ativado.

A Blackboard recomenda que as integrações comecem no Teste. Selecionar esse status permitirá que você teste a integração e resolva quaisquer problemas que possam surgir antes da integração. Depois que o teste estiver concluído, o status deve ser configurado como Inativo ou Ativo.

Para executar a configuração avançada, uma integração deve ser configurada com o status Teste de Ativo.

Nível de detalhamento do log

Obrigatório A opção Nível de detalhamento do log determina o que é visível na tela Logs SIA para essa integração.
  • Somente erros: Qualquer problema fatal ou que impeça as operações de criação, atualização, desativação ou remoção.
  • Erros e avisos: Qualquer problema que não seja fatal ou com um registro individual, ou qualquer operação bem-sucedida que exija a alteração do registro.
  • Todas as mensagens de diagnóstico: Qualquer atividade bem-sucedida, incluindo tipos de registros e contagens, cronometragem e dados.
  • Todas as mensagens de diagnóstico e depuração: Todos os registros individuais e tentativas de transformação de dados.

A seleção de um nível de detalhamento de registro também selecionará o nível ou níveis menos detalhados que precedem o nível selecionado. Por exemplo, se você selecionar o nível de registro de Mensagens, erros, avisos e mensagens serão registrados.

Fonte de dados do Learn Obrigatório Determine a fonte de dados usada durante a integração com o Blackboard Learn.
  • Use a fonte de dados do Learn definida nos dados de entrada
  • Use a mesma fonte de dados do Learn para todos os novos dados de entrada. Selecione Nova fonte de dados na lista suspensa e digite a nova chave de fonte de dados na caixa de texto.
  • Use a mesma fonte de dados do Learn para todos os novos dados de entrada. Selecione uma chave de fonte de dados existente na lista suspensa.

As chaves de Fonte de dados devem ser previamente definidas usando a ferramenta de Gerenciamento de fonte de dados (consulte Visão geral da chave de fonte de dados)

Prefixo de UID em lote Opcional Evite conflitos de ID prefixando os identificadores dos objetos criados durante a integração. A Blackboard recomenda que você não altere essa configuração depois que os dados tiverem sido criados para a integração.

Nesse ponto, a configuração de uma integração LIS padrão no Learn está completa e você pode testá-la configurando o Status da integração como Teste e enviar arquivos de dados formatados para LIS – consulte os Exemplos do LIS para os arquivos iniciais e os exemplos de teste SOAP e formato de dados do LIS para obter exemplos.

Configurações avançadas da integração

Embora as configurações padrão sejam adequadas para a maioria das condições, os objetivos de integração podem representar requisitos que exigem alterações adicionais na configuração. Em alguns casos, o alinhamento entre os objetivos desejados para o gerenciamento de dados do Learn e o do SIA pode não ser possível. As configurações avançadas permitem o gerenciamento dos dados recebidos dentro do Framework, a fim de reforçar os objetivos de dados do Learn.

As configurações avançadas para uma integração são possíveis por meio de três pontos na interface do administrador da Integração dos Sistemas de informação do aluno:

  1. Criação de mapeamentos de campo personalizados
  2. Configurações avançadas da integração; Etapa 3 de uma configuração de integração.

As configurações avançadas de integração disponíveis para as inserções e atualizações são:

  • Não inserir nem atualizar: Ignorar os dados recebidos para este objeto.
  • Inserir somente: Adicionar somente novos objetos; não fazer nada se um objeto correspondente a essa chave externa de dados já existir.
  • Somente atualizações: Somente atualizar os objetos existentes; não fazer nada se um objeto não existir.
  • Inserções inteligentes ou atualizações (Padrão): Se não houver nenhum objeto correspondente no Learn, adicione como um novo objeto; se um objeto correspondente existir no Learn, atualize com os dados recebidos.

Você também pode determinar o que acontece na exclusão de dados quando um processo de exclusão está sendo executado:

  • Não desabilitar nem remover: Não excluir ou marcar para excluir qualquer objeto no sistema com base no arquivo de feed.
  • Desativar: Marcar para exclusão, mas não excluir realmente os objetos no sistema com base no arquivo de feed.
  • Remover: Excluir o objeto do sistema com base no arquivo de feed.

As configurações acima podem ser aplicadas a cada objeto suportado pelo LIS (como mostrado na UI). As alterações das configurações padrão permitirão um ajuste da integração para fornecer o gerenciamento do objeto além do que é fornecido somente pelos dados nos feeds SIA disponíveis.


Saiba mais

Visão geral da estrutura do SIA

Configuração da integração LIS 2.0

Formato de dados LIS 2.0

Planejamento de integrações de SIA

Visão geral da chave da fonte de dados