Estas informações só se aplicam à experiência Ultra.

O trabalho em equipe está no centro de qualquer organização moderna. Promover a colaboração é uma característica que define todas as instituições bem-sucedidas. Você pode aprimorar todos os recursos e características do Blackboard Learn emparelhando-o com as aulas do Microsoft Teams.

Suas aulas podem incluir conversas em tempo real, reuniões de vídeo ou interações assíncronas. Você pode acrescentar o compartilhamento de arquivos e experiências de cocriação para seus alunos. Tudo em um só lugar. As aulas do Microsoft Teams com o Learn Ultra redefinem as dinâmicas de ensino e o significado de aprendizagem eficaz.

Informações importantes

Certifique-se de configurar com sucesso o campo E-mail da instituição no SIA.

Observe que a integração das Microsoft Teams depende do campo de e-mail da instituição no seu SIA para mapear o nome de usuário (UPN) do Microsoft Azure Active Directory de usuário. Se nenhum e-mail da instituição tiver sido provisionado, isso configurará o e-mail existente, mas é recomendado que esse campo seja definido para cada usuário a fim de garantir que seus dados sejam sincronizados corretamente e que não haja conflito de dados de e-mail entre o Microsoft Azure Active Directory (ADD) e o Blackboard Learn. Se você não definiu esse campo adequadamente no mapeamento do SIA, a integração continuará a funcionar, mas os usuários podem não aparecer nas aulas criadas no Teams e podem ocorrer erros.

Informações para testes

Os clientes que querem testar a integração das aulas do Microsoft Teams no Blackboard e/ou instância de preparação, são altamente recomendados a seguir estas etapas:

  • Interaja com a sua equipe de contas da Microsoft para solicitar um locatário de teste da Microsoft conforme o Contrato de Licenciamento.
  • Como alternativa, os clientes podem solicitar uma versão de teste pelo https://aka.ms/edutrial. Esse teste dura 6 meses. Se você precisar estender o teste por um período maior, entre em contato com o representante da sua conta Microsoft.

Se você precisar de suporte da equipe de atendimento da Microsoft em relação a esta integração, preencha o seguinte formulário on-line https://aka.ms/lmsintegration.

Usar um locatário de teste Microsoft com seu ambiente de teste ou preparação do Blackboard evita a introdução de problemas potenciais de duplicação de dados quando você implantar a integração no seu sistema de produção do Blackboard Learn.

Suporte ao mapeamento de dados institucionais – campo SIA de e-mail da instituição

Como parte da evolução das integrações de provedores de nuvem, a Blackboard criou um novo campo E-mail da instituição, tanto na integração da Estrutura do Sistema de Informação do Aluno quanto nas APIs REST públicas, permitindo que as instituições gerenciem efetivamente o processo de sincronização de dados entre o Blackboard Learn Ultra e o Microsoft Azure Active Directory.

O que significa E-mail da Instituição e o que ele suporta?

O campo E-mail da instituição permite mapeamentos de campo personalizados entre as fontes de dados suportadas externamente entre um cliente e o Blackboard Learn Ultra. No caso de fontes de dados que também são provedores de nuvem, como a Microsoft, o User Principal Name (UPN) é um identificador exclusivo primário para cada usuário que consiste em um prefixo de UPN (o nome da conta do usuário) e um sufixo do UPN (um nome de domínio DNS) unidos por um símbolo de @. Isto cria um endereço de e-mail exclusivo para cada usuário específico no Microsoft Azure Active Directory.

Para garantir que os dados sejam precisos e que matrículas ou associações entre o Blackboard Learn Ultra e as aulas do Microsoft Teams sejam alcançados corretamente, o endereço de e-mail de um usuário deve corresponder entre ambos os sistemas. No Blackboard Learn, o usuário pode alterar ou substituir o endereço de e-mail existente na interface do usuário, o que pode resultar em erros de sincronização e a ativação incorreta do usuário. O E-mail da instituição garante que esse nível de verificação de segurança e validação possa ser gerenciado corretamente, independentemente se o usuário alterou seu e-mail no Blackboard ou não.

Quando dois endereços de e-mail são diferentes:

  • Uma decisão deve ser tomada quanto a qual fonte tem precedência e será usada como e-mail da pessoa e da instituição, ou
  • Uma instituição pode definir um mapeamento de campo personalizado em seu E-mail da instituição, que pode resolver um conflito em potencial.

O mapeamento de campo do E-mail da instituição agora está disponível para todos os tipos de integração SIA existentes em Configurações avançadas > Tipo de objeto dos usuários Learn > Mapeamento de campo.

Este é um exemplo de script LIS 2.0 para preencher o campo de e-mail da instituição usando a caixa de texto Usar um script personalizado :

(function() {
       var v = data.person.extensions.get('inst_email');
       return v ? v.value : null;
}());

É importante notar que, por padrão, o e-mail da instituição é definido como e-mail da pessoa para todos os formatos do SIA e exige que seja exclusivo para cada pessoa. Todas as integrações existentes, já configuradas e funcionando, vão ter este mapeamento de dados em vigor, já que ocorrerá uma falha no SIA para importar usuários se os respectivos e-mail forem duplicados. Se uma instituição precisar alterar o e-mail da instituição para o padrão, ela precisará fazer esse gerenciamento por meio das Configurações avançadas do SIA.

Requisitos

A integração das aulas do Microsoft Teams está disponível apenas para os cursos da visualização Ultra do curso. Sua instituição precisa completar os seguintes requisitos para poder utilizar:

  • Ter o Blackboard Learn SaaS com a Navegação Base Ultra habilitada
  • Habilite a LTI para uso nos cursos:Vá para o Painel de Administrador > Fornecedores de ferramenta de LTI > Gerenciar propriedades globais. Então, selecione LTI habilitada em Cursos e, opcionalmente, selecione Habilitada em Comunidades. Selecione Enviar.
  • A LTI deve estar configurada
  • Adicione a integração de LTI para as aulas no Teams do Blackboard Learn Ultra
  • Adicione a ferramenta LTI 1.3 para as aulas do Microsoft Teams
  • Adicione a ferramenta API REST e Cross-Origin Resource Sharing
  • Configure e aprove a Integração das aulas no Microsoft Teams

Adicione a ferramenta LTI 1.3 do Blackboard Learn para as aulas do Teams

  1. No Painel do administrador selecione Provedores de ferramenta de LTI.
  2. Selecione Registrar a ferramenta de LTI 1.3.
  3. No campo Código de cliente, digite ou copie e cole este código: f1561daa-1b21-4693-ba90-6c55f1a0eb41
  4. Reavalie todas as configurações que foram pré-populadas e em Status da ferramenta, selecione Habilitado.
  5. Em Políticas da instituição, selecione Função no curso, Nome e Endereço de e-mail.
  6. Selecione Sim tanto para Permitir acesso ao serviço de notas quanto para Permitir acesso ao serviço de assinatura.

Adicione a ferramenta LTI 1.3 para as aulas do Microsoft Teams

  1. No Painel do administrador selecione Provedores de ferramenta de LTI.
  2. Selecione Registrar a ferramenta de LTI 1.3.
  3. No campo Código de cliente, digite ou copie e cole este código: 027328b7-c2e3-4c9e-aaa1-07802dae6c89
  4. Reavalie todas as configurações que foram pré-populadas e em Status da ferramenta, selecione Habilitado.
  5. Em Políticas da instituição, selecione Função no curso, Nome e Endereço de e-mail.
  6. Selecione Sim tanto para Permitir acesso ao serviço de notas quanto para Permitir acesso ao serviço de assinatura.

Adicione a ferramenta API REST

  1. No Painel do administrador, navegue até Integrações e selecione Integrações da API REST.
  2. Selecione Criar integração.
  3. No campo Código de aplicativo, digite ou copie e cole este código: f1561daa-1b21-4693-ba90-6c55f1a0eb41
  4. Digite um usuário para essa integração. Este usuário será aquele com acesso de API doméstico do qual o aplicativo é associado
  5. Selecione Enviar.

Recomendamos selecionar um usuário que tenha a capacidade de gerenciar integrações REST e tenha o privilégio associado em Conteúdo programático de curso/organização > Microsoft Teams > Configurar

Adicione Cross-Origin Resource Sharing

  1. No Painel do administrador, navegue até Integrações e selecione Cross-origin Resource Sharing.
  2. Selecione Criar configuração.
  3. No campo Origem, digite ou copie e cole este URL: https://bb-ms-teams-ultra-ext.api.blackboard.com
  4. No campo Cabeçalhos permitidos, digite Autorização.
  5. Configure Disponível como Sim.
  6. Selecione Enviar.

Configure e aprove a Integração das aulas no Microsoft Teams

Para integrar com sucesso sua instância Blackboard Learn com as aulas do Microsoft Teams, você precisará certificar-se de que o aplicativo Blackboard está aprovado para acesso dentro de seu locatário Microsoft Azure. Esse é um processo que o administrador global M365 da sua instituição precisa completar.

Este processo pode ser feito antes ou depois de configurar as aplicações LTI na sua instância do Blackboard Learn.

Antes de configurar as aplicações LTI

Se você escolher aprovar o aplicativo Azure das aulas do Blackboard Teams antes de configurar as integrações LTI, será necessário redirecionar para o endpoint de consentimento do administrador da plataforma de identidade da Microsoft. A URL é mostrada abaixo:

https://logon.microsoftonline.com/{tenant}/adminconsent?client_id=2d94989f-457a-47c1-a637-e75acdb11568

Você substituirá {locatário} com o seu código de locatário institucional do Microsoft Azure.

Saiba mais sobre como encontrar seu locatário

Esta imagem destaca as permissões necessárias para o aplicativo Microsoft e Blackboard:

Depois de configurar as aplicações LTI

  1. No Painel de administrador, navegue para Ferramentas e utilidades e selecione Administrador de integração do Microsoft Teams.
  2. Selecione Ativar Microsoft Teams.
  3. Adicione seu Código de locatário Microsoft no campo de texto disponível.
  4. Se o app possuir um pré-consentimento, um pequeno sinal de visto será exibido. Se o sinal de visto aparecer, selecione Enviar.
  5. Se o consentimento não for aprovado, siga os passos descritos em Gerar URL para consentimento e envie-a para aprovação do administrador global M365.
  6. Assim que a aprovação for confirmada, selecione o botão Tentar novamente para confirmar.
  7. Após a confirmação, selecione Enviar.